Cinco lobos (3 dos quais lobitos felinos) decidiram mudar de país em busca de novos sonhos. Uma nova aventura do Centro de Portugal para o Centro da Suiça. Já regressámos a Portugal e agora a história conta-se por cá
25.5.09

Os lobos foram a Milão. Esta é uma das vantagens de se estar a viver num local da Europa que fica perto de várias cidades que desejámos visitar. Anteontem fomos a Milão, decidimos umas horas antes de ir. Nós adoramos passear e conhecer novas terras, novas culturas e quando um dá uma ideia o outro está sempre de acordo J

Milão é uma cidade linda! A nível estético, a nível arquitectónico, a nível histórico. É uma cidade maravilhosa que vale mesmo a pena conhecer. Como a visita foi só de um dia tivemos de aproveitar ao máximo e houve muita coisa que ficou por ver mas o que vimos valeu mesmo a pena.

Começamos por uma visita à Duomo de Milão, considerada a maior catedral gótica do mundo. Possui 157 metros de largura, 400 estátuas e uma capacidade para 40 mil pessoas. O início da sua construção data de 1386. Olhar para este monumento é simplesmente algo de extraordinário, faz-nos sentir pequeninos…

Seguimos para a Galleria Vittorio Emanuele II. É uma construção que concerteza não deixa ninguém indiferente, coberta por uma estrutura de ferro com cúpulas de vidro e afrescos foi criada com o intuito de comunicar a Piazza del Duomo com a Piazza della Scala, tendo sido inaugurada em 1877. Foi projectada em forma de cruz, por Guiseppe Mengoni. Isto realmente é algo que me faz delirar, é cultura pura, arte pura, deixa-nos sem fôlego…

O momento alto do dia foi, sem dúvida, a visita ao Castelo Sforzesco. Aqui faz-se uma verdadeira viagem ao passado, dada a quantidade de espólio museológico que ali se encontra, desde Música, Escultura, Pintura, Cerâmica… Mas o que realmente me fez estremecer foi estar perante a última escultura de Michelangelo “A Pietá Rondanini”, encontrada no seu estúdio depois de sua morte em 1564.

O exterior do castelo também merece muita atenção…é lindo!

Trata-se de uma cidade onde todos parecem ricos, onde a aparência parece ser uma das principais preocupações das pessoas, onde marcas como Louis Vuitton ou Prada circulam pelas ruas como se fosse a coisa mais natural do mundo. Esta parte mete-me um pouco de confusão porque acredito que quando as pessoas passam muito tempo a olhar para o seu exterior não têm tempo para olhar para o interior.

O que mais se vê estacionado na rua são motas. Milhares e milhares de motas, esta é uma das características de Itália que eu amei ver. Em cada esquina há um restaurante de “pastas” e “pizzas” e os gelados são verdadeiramente… Ficou a vontade de lá voltar um dia destes…

 

link do postPor acaminhadadoslobos, às 14:06  ver comentários (1) comentar

17.5.09

Demiti-me do meu trabalho, ontem. Eu estava a gostar do trabalho, já tinha feito amizades com os colegas e a língua italiana estava a fluir muito bem. Até aqui tudo bem não fosse o caso de me aparecer uma chefe (quer dizer subchefe) que me fez a vida negra nos últimos dias. Falava para mim como se eu fosse…digamos…a sua pior inimiga. Sempre a bufar, sempre a resmungar e tentou, ainda, roçar no gritar comigo. Mau, mau, mau mas estamos a brincar ou quê? Ao que parece ela não gosta de portugueses assumidamente, portanto é assumidamente xenófoba. Agora a questão é: Vem uma pessoa trabalhar para outro país e leva com uma pseudochefe que não gosta dos tugas? De nenhum? Isso é possível????

É óbvio que eu não ia ficar permanentemente a levar com uma pessoa que deve ter sérios problemas na cabeça. Que estas pessoas existam na mundo e que até tenham cargos de chefia eu até compreendo agora que existam portugueses a baixarem a cabeça e a levantarem o rabo (perdoem-me a expressão) é que eu não entendo. Sim porque a atitude que a dita senhora tinha comigo também tinha com os outros portugueses que la trabalham e que mantêm a postura de que “temos de nos sujeitar porque precisamos de trabalhar…”, ou “fazemos de conta que não ouvimos” ou ainda, “não ligues porque ela é assim com todos os portugueses”. Eh! Calma aí! Nós estamos assim tão necessitados que não nos respeitamos? Estamos tão necessitados que não nos importamos de ser mal tratados, achincalhados e desprezados? Se no meu país nunca admiti determinadas atitudes porque iria admiti-lo aqui? Independentemente da necessidade eu nunca irei baixar a cabeça para ninguem. Dizem que é por eu ser escorpião, eu acho que é por me respeitar….Se perdermos o nosso amor-próprio e a nossa auto-estima fica a sobrar muito pouco para contar a história…

 

 

link do postPor acaminhadadoslobos, às 13:57  ver comentários (2) comentar

5.5.09

 

Meu doce lobinho obrigada pelos nove anos maravilhosos que escolheste partilhar comigo, foi um privilégio amar-te e sentir o teu amor. O meu coração chora de dor pela tua partida, eras um dos motivos da minha felicidade. Ensinaste-me tanto, deste-me tanto…como te amo meu anjo!

Fecho os olhos e vejo-te a sorrir, tu sorrias tanto…fecho os olhos e vejo-te a brincar, a dar turrinhas, a dormir ao sol, a dormir comigo em cima das minhas pernas, eu dormia quietinha para não te acordar e quando levantava o lençol para te ver agradecias-me com o teu olhar doce, meigo, cheio de ternura.

Amo-te lobito, amo-te eternamente e enquanto as lágrimas não secam resta-me fechar os olhos e sentir-te…

Até breve!

 

link do postPor acaminhadadoslobos, às 12:40  ver comentários (4) comentar

Loba
Meez 3D avatar avatars games
Maio 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

18
19
20
21
22
23

24
26
27
28
29
30

31


subscrever feeds
blogs SAPO