Cinco lobos (3 dos quais lobitos felinos) decidiram mudar de país em busca de novos sonhos. Uma nova aventura do Centro de Portugal para o Centro da Suiça. Já regressámos a Portugal e agora a história conta-se por cá
24.12.09

Este ano pela primeira vez vou passar o Natal sem a minha família. Vai ser passado cá na Suíça só com o lobo e os lobitos. Estou triste porque é a única festa do ano que me faz delirar, que eu vivo intensamente. Adoro a azáfama das compras. De guardar segredo da prenda que vou dar à mana mas é sempre um segredo tão difícil de guardar que tenho de contar à mãe e o mesmo faço com a prenda da mãe que tenho de contar à mana.

Adoro chegar a casa dos meus pais na véspera de Natal e de sentir a agitação de fazer doces. Adoro ajudar a minha mãe a fazer os doces e o jantar. Adoro ver a família toda reunida, numa paz tão característica desta época. Adoro a troca de presentes, a confusão de papéis de embrulho, as caras de espanto dos presentes recebidos e adoro a Dia de Natal. O almoço. A família…

Este vai ser um Natal diferente. Sem dúvida que será mais triste, sem dúvida que será diferente. Mas será o nosso Natal...

PS: o Pai Natal já passou por aqui e deixou muitas prendas, mas deixou recado para só serem abertas à meia-noite J

DESEJO A TODOS UM NATAL CHEIO DE AMOR, SAÚDE E MUITA ALEGRIA

 

link do postPor acaminhadadoslobos, às 16:00  comentar

22.12.09

…que eu e o lobo tivemos ontem! Uma ida a St. Moritz, debaixo de uma autêntica tempestade de neve (que só por curiosidade é igualzinha à tempestade de areia…no deserto…mas aqui foi de neve e no meio das montanhas). Uma ventania que abanava o carro desalmadamente e a neve toda no ar sem nos deixar ver um palmo à frente do nariz.

A descida do Julierpass teve de ser feita por volta da meia-noite, o piso da estrada completamente vidrado pelo gelo e o nosso carro que deslizava “como manteiga” como disse o lobo. Depois de termos ficado completamente atravessados no meio da estrada, lá decidimos encostar para pôr as correntes de neve nos pneus, debaixo de uma temperatura que devia rondar os 15 graus negativos… escusado será dizer que eu apanhei um susto de fazer levantar um morto depois de sentir o carro a deslizar pelo gelo…

Correntes postas, casacos, gorros, luvas e cachecóis no banco de trás (porque ficaram completamente encharcados) e lá seguimos viagem pelo meio da tempestade. O medo regressou porque, por incrível que pareça, o piso estava tão mau que, mesmo com correntes de neve, o carro ainda tinha pequenos deslizes…medo…muito medo. Eu ia muito séria e pensativa até que o lobo me pergunta: “estás a pensar em quê?”, e foi nesse momento que eu me apercebi que vinha a pensar se os cintos de segurança funcionam realmente tal como naquele teste de segurança que fizemos dentro de um carro, no qual depois de várias voltas lá dentro o carro ficava virado ao contrário e nós ficávamos presos, apenas, pelo cinto de segurança. Pensamentos loucos…talvez estivesse com parte do cérebro congelado pelo frio…realmente se o carro caísse por aquelas encostas abaixo o cinto de segurança ia servir de muito…

Mas como eu adoro aventuras gosto de destacar sempre os aspectos positivos, por isso é de referir que foi uma experiência extraordinária, ver uma tempestade de neve é algo mesmo muito potente.

Segundo ponto positivo foi ver três bambis (filhotes de veados) na berma da estrada…foi lindo, lindo.

 

link do postPor acaminhadadoslobos, às 21:23  comentar

21.12.09

 

 

…pela primeira vez. Eu pensava que ele ia achar aquilo estranho, por ser muito frio mas o lobito não ligou nenhuma para a neve. Sempre que ele vai à rua só quer saber de comer erva. Sim o meu lobito é assumidamente vegetariano J Eu cheguei a experimentar pôr um pouco de frango assado de um lado e uma folha de alface do outro e imaginam o que ele escolhia? Pois claro a folha de alface! Desde alfaces, couves e tudo o que cheire a verde ele fica maluco. Eu acho que o meu R. é muito à frente na escala dos gatos…e não é só porque é meu é porque é mesmo especial.

 

link do postPor acaminhadadoslobos, às 09:34  comentar

18.12.09

…há quatro dias que está a nevar sem parar. Às vezes parece que estou no livro “Ensaio sobre a Cegueira”…só vejo branco…

link do postPor acaminhadadoslobos, às 14:47  comentar

15.12.09

…foi o que fizemos anteontem, depois do almoço. Como eu e o lobo estamos sempre de acordo em matéria de gelados, lá decidimos ir comer um gelado à rua. Nada de anormal a apontar se não fosse um grande nevão que caiu este domingo J. Nós somos assim, meio loucos mas muito divertidos e felizes. E foi simplesmente estranho mas fantástico comer um gelado com flocos de neve a caírem-nos em cima (não há fotos porque nos momentos em que eu mais preciso da máquina ela está sempre em casa, no aconchego do lar).

A tarde de domingo foi a ver o filme “Flyboys”, enroladinhos no sofá, com muitos mimos, beijos e carinhos. Logo depois tivemos um jantar da empresa do lobo. Muito requintado, de gala, num chalé mesmo típico da Suíça. O ambiente estava agradável, apesar de formal, mas não gostei nada da decoração do chalé (muito habitual por aqui), que consistia em caveiras de veados, ursos embalsamados nas paredes e chifres de veados a servirem de candeeiros. Escusado será dizer que uma pessoa como eu que sofre desalmadamente por ver um animal ferido, doente ou morto quase que caía para o lado com semelhante terror. Mas por aqui a decoração é muito baseada no que referi porque existe caça grossa e é uma espécie de troféu exibir as peles e caveiras dos animais.

Nós éramos os únicos portugueses numa mesa composta por franceses, albaneses, italianos e suíços. Como sempre vale-nos o italiano e o inglês. E a determinado momento pergunta o director da empresa ao lobo: “You still do not have children?”, ao que a resposta foi: “We are working on it now”. (Fica a novidade...) 

link do postPor acaminhadadoslobos, às 18:52  comentar

9.12.09

…connosco resultou! Basta emigrar! Desde que chegámos à Suiça, fez por estes dias 10 meses, o lobo já perdeu 18 quilos. É muito quilo, eu sei. Ele estava um bocadito acima do peso desejável mas para mim estava óptimo. Eu adoro-o de qualquer forma.

No meu caso perdi 2 quilos. Não foi muito mas para mim já foi mais que muitoooooo J

Devo sublinhar que esta perda de peso não teve a ver com nenhum tipo de dieta. Come-se igual e nas mesmas proporções. Talvez tenha a ver com menos sedentarismo, mais actividade…não sei.

Mas por acaso é uma coisa que nós temos reparado é que por aqui é mesmo raro encontrarmos uma pessoa obesa. Encontram-se pessoas acima do peso mas não chegam aquele escalão de obesas. A minha teoria para o facto, é que aqui as pessoas fazem muitas actividades ao ar livre. Vão para o trabalho de bicicleta, andam de patins em linha, e praticam muito ski na neve. Por aqui tudo o que é comércio está fechado aos domingos por isso ninguém se pode enfiar um domingo inteiro num centro comercial a comer hambúrgueres ou pizzas e a passear pelas lojas de roupa. Só por aí já ajuda um pouco porque as pessoas têm de encontrar alternativas para não passarem o domingo em casa, e as alternativas são, normalmente, fazerem alguma actividade ao ar livre, junto da natureza.

Eu imagino que se em Portugal se começasse a fechar os centros comerciais ao domingo poderia ser uma atitude muito positiva para o país. Primeiro haveriam muitas depressões porque as pessoas não sabem fazer mais nada que não seja ir a centros comerciais mas em contrapartida talvez a economia dos cidadãos melhorasse porque se iriam poupar alguns “TROCOS”. Numa segunda fase as pessoas começavam a habituar-se, encontravam alternativas positivas e talvez se dedicassem a actividades ao ar livre onde não teriam que gastar dinheiro e até perdiam aqueles quilitos acumulados que teimam a aumentar.

 

link do postPor acaminhadadoslobos, às 10:35  comentar

7.12.09

…foi feita ontem. O domingo foi passado em casa, na ronha, e foi dia de se fazer a nossa árvore de Natal. É uma árvore muito sui generis porque só tem luzes, não tem bolas, não tem fitas, nem sequer a estrela…só luzes J. Isto porque pelo terceiro ano consecutivo tivemos de comprar tudo de novo, pelo terceiro ano consecutivo fazemos a nossa árvore de Natal numa casa diferente, numa terra diferente…

Mas o caso da falta de bolas e fitas prende-se unicamente com o facto de eu ter gostado muitoooooooooo de umas luzes de cor violeta e não ter encontrado enfeites a condizer. Não me apetecia pôr bolas azuis ou vermelhas e por isso ficou sem enfeites, é linda a nossa árvore e se calhar única. Está despida mas é linda. E os lobitos nem sequer implicaram com ela, embora a lobita goste de se esconder debaixo dela como está na fotografia

 

link do postPor acaminhadadoslobos, às 19:45  ver comentários (2) comentar

3.12.09

 brancos. Na passada segunda-feira caiu um nevão mesmo muito forte, foi o primeiro deste Outono, aqui na cidade, porque nas montanhas já cai neve há meses.

O fantástico deste país é que está completamente preparado para esta neve e para este frio. Tudo funciona normalmente como não estivesse a acontecer nada, enquanto que se fosse em Portugal as escolas fechavam porque eram muito frias e os acidentes nas estradas eram às dezenas.

Aqui as escolas, todos os estabelecimentos, todos os transportes públicos e as próprias casas têm aquecimento, mas aquecimento a sério de termos de andar de t-shirt. Só precisamos de nos agasalhar bem quando estamos na rua mas logo que entramos num comboio ou num autocarro ou mesmo no trabalho começamos a despir casacos. Em casa ando sempre de manga curta, calções e havaianas. Eu posso dizer que mesmo com temperaturas negativas ainda não senti verdadeiramente frio aqui, ao contrário de Portugal em que tantas vezes nem chegava a despir o casaco quando estava a trabalhar em frente a um computador…ah e não raras vezes metia uma luva porque os dedos quase que congelavam.

 

link do postPor acaminhadadoslobos, às 19:17  ver comentários (1) comentar

Loba
Meez 3D avatar avatars games
Dezembro 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
16
17
19

20
23
25
26

27
28
29
30
31


subscrever feeds
blogs SAPO